Buscar
  • Instituto Ethos

Instituto Ethos anuncia Conferência Brasileira de Mudança do Clima durante evento no Rio de Janeiro

Atualizado: 10 de Jul de 2019



Painel da Conferência Ethos 360º dialogou sobre a agenda climática

O Instituto Ethos anunciou a realização da Conferência Brasileira de Mudança do Clima para reunir organizações não governamentais, movimentos sociais, governos, comunidade científica e os setores privado e público brasileiro para debater propostas para a implementação da NDC brasileira (Contribuição Nacionalmente Determinada), com os principais compromissos e contribuições para o futuro acordo climático. O lançamento aconteceu no painel climático da Conferência Ethos 360° no Rio de Janeiro, ao lado diretor-executivo do WWF Brasil, Maurício Voivodic, e da vice-governadora de Pernambuco, Luciana Santos.


“Nosso objetivo é comprovar que a sociedade e o setor produtivo brasileiro mantêm-se firmes no Acordo de Paris e que o protagonismo na agenda de clima, florestas, desenvolvimento sustentável e a governança climática são grandes oportunidade para o Brasil. Queremos promover compromissos empresariais e prioridades para a agenda e, para isso, vamos demonstrar experiências, negócios, soluções, tecnologias e políticas brasileiras que valorizam, integram e fazem progredir os resultados da governança climática”, esclarece o presidente do Instituto Ethos, Caio Magri.

A Conferência Brasileira de Mudança do Clima acontecerá nos dias 16, 17 e 18 de outubro, em diferentes locais da cidade do Recife. "Devemos assumir uma luta política para não abandonar os compromissos que assumimos. O Brasil não pode se esquivar de participar ativamente desse caminho", enfatizou a vice-governadora de Pernambuco, Luciana Santos.

A programação será formada por sessões de debates, mesas redondas, grupos de trabalho, demonstração de negócios e tecnologias, workshops, demonstrações de iniciativas da sociedade civil e comunidades; sessões de diálogos de governos subnacionais; oitivas e assembleias de deliberação.


“É preciso diálogo e ação. Diversos segmentos da sociedade precisam falar sobre a mudança do clima. Quanto à ação, os setores empresarial e financeiro devem considerar a importância da questão climática para seus negócios e para o todo, e agir. Por isso, considero importantíssima a Conferência Brasileira de Mudança do Clima, na qual diversos atores poderão apresentar o que estão fazendo e se comprometer com a agenda", destacou Maurício Voivodic, diretor-executivo do WWF Brasil.

Por: Vera Moreira

35 visualizações
Logo_CBMC_Horizontal-04.png